26 de agosto de 2016

Eu escolhi esperar!


Escolher esperar é muito mais que apenas esperar para fazer sexo depois do casamento. Escolher esperar é uma escolha de vida! E assim como eu escolhi esperar, você também pode!

Mas Jenni, esperar o que? Em quem? Do que você está falando?

Como assim? Ainda não sabe? Senta, que vem texto pela frente.

Eu Escolhi Esperar é uma campanha coordenada e idealizada pelo Pastor Nelson Junior e sua esposa Ângela Cristina, e foi lançada inicialmente nas redes sociais em abril de 2011. O primeiro seminário reuniu cerca de 500 jovens em Nova Iguaçu/RJ. E segundo os dados do site do EEE, atualmente mais de 100 mil jovens já participaram dos encontros, e mais de 2 milhões de jovens aderiram a campanha nas redes sociais.

Conheci o EEE em 2014, e desde então venho acompanhando a campanha pelas redes sociais e pelo Youtube. Sim, eles possuem um canal no youtube recheado de vídeos sobre vários assuntos relacionados a espera e a sentimentos. Nos vídeos o Pr. Nelson e a Ângela falam de maneira leve e descontraída coisas que nós jovens (ou nem tão jovens assim) cristãos nos perguntamos e temos que lidar diariamente. E o melhor, é tudo baseado na palavra de Deus, a Bíblia Sagrada.

O Eu Escolhi Esperar espalha a mensagem de que esperar não é apenas esperar para fazer sexo depois do casamento, mas também é esperar em todos os âmbitos da nossa vida. Seja na nota na prova de física, na promoção do trabalho, em um cargo na igreja ou em qualquer outra coisa. Esperar é confiar. É ter a certeza de que Deus tem o melhor para nós. Mas não pense que esperar é simplesmente ficar sentado de braços cruzados esperando que as coisas aconteçam do nada. Não! Esperar é também botar a cara no sol e ir pra luta. É ir atrás dos nossos objetivos tendo a certeza de que se aquilo for realmente da vontade de Deus vai dar certo, mas se não for, aquilo que tanto queremos vai deixar de ser o nosso objetivo.

Esperar não é algo cego. É ter visão e enxergar lá na frente.  É saber que as coisas não serão fáceis, mas que no final da nossa busca teremos o melhor. Confesso que esperar nem sempre é fácil, as vezes assusta e dá vontade de desistir de tudo, mas quando lembro que os planos de Deus não são os meus, e que o tempo nele é diferente do meu, eu me acalmo e percebo que as vezes o que tanto busco pode estar logo aí, na porta, eu só não o visualizei ainda. O mesmo pode estar acontecendo com você, portanto não desista de esperar.

21 de agosto de 2016

Quem é você? | Pesquisa de público

Olá meus amores 

Pra quem não sabe, em novembro o Verifique a Página, carinhosamente apelidado por mim de VP, irá fazer 1 aninho  e por isso eu estou planejando algo bem especial para o mês 11 (e para os próximos meses também). Quero estar mais presente aqui no blog, coisa que eu ando em falta (como podem ver, um item da minha lista de 16 coisas para realizar 2016 não está sendo cumprido). Por isso, como parte desse planejamento e com o desejo de conhecer melhor os meus leitores lindos, quero pedir para vocês responderem a pesquisa de público que está aqui em baixo no post. Sério, vocês vão me ajudar MUITO a desenvolver um conteúdo legal e que agrade a ambos os lados. 

Estou contando com vocês! 


Ah, e não se esqueçam de deixar nos comentários sugestões de assuntos e temas que vocês querem muito ver aqui no VP (podem fazer isso também no final da pesquisa).



Obrigada por tudo, fiquem com Deus!

19 de agosto de 2016

O que é felicidade?


Alguns dias atrás li um  post em que a blogueira respondia a uma tag chamada Felicidade é..., e desde então me pego pensando nesse assunto. O que é felicidade? É possível ser e estar sempre feliz? Onde eu adquiro a felicidade?

Segundo o dicionário prático da língua portuguesa, Michaelis, felicidade é o estado de quem é feliz, é o bem-estar, contentamento, bom resultado, bom êxito.

Uns dizem que a felicidade não é permanente, que hoje podemos estar feliz e amanhã não. Segundo eles, ela é inconstante, pois não dá para estar sempre bem. Outros, dizem que ser feliz é estar bem consigo mesmo. 

Freud diz que o ser humano está em constante busca pela felicidade, mas segundo ele, ela nunca será alcançada totalmente. O que conseguiríamos seria apenas uma parte dela. Para Aristóteles "a felicidade se atinge pelo exercício da virtude e não da posse".

Ao ler mais sobre o tema, pude perceber que cada pessoa tem a sua própria interpretação de felicidade. A felicidade é relativa. Ou melhor, a sua definição é. E sim, é possível dizer que os tipos de felicidade são variados, afinal, cada pessoa a interpreta e sente de forma diferente. Para mim felicidade tem um certo tipo de entonação, ela pode tanto me abrigar, quanto abrigar aos outros. Uma espécie de felicidade individual e coletiva. Algo que é sentido em mim para mim, mas também de mim para os outros. Algo acolhedor. 
 

Não acredito que é possível estar sempre feliz, mas sim que podemos ser felizes ao máximo, mesmo que não seja sempre, mas na maioria dos nossos momentos. A felicidade é algo que está nas pequenas coisas: em um sorriso, em um olhar, nas páginas de um livro ou até mesmo nas cenas daquele seu filme preferido. O lazer traz felicidade. Nossos amigos e familiares também. As vezes até mesmo nas pessoas desconhecidas a encontramos. Somos felizes a partir do momento que reconhecemos que tudo ao nosso redor é belo e que vale a pena, mesmo que nem sempre a vida seja fácil, mas tudo sempre se renova, inclusive os nossos sentimentos. O que aconteceu ontem passou, hoje é um novo dia, então bora viver e deixar o passado de lado. Bora aproveitar o que a vida nos contempla e ser feliz!

5 de agosto de 2016

Por mais que pareça, isso não é o fim do mundo!


Às vezes eu paro para pensar e percebo que tenho tanta coisa para falar, mas quase não falo. É tanto sentimento para compartilhar, que não compartilho. É tanta coisa para fazer, que não faço. Talvez tudo isso seja um sintoma da ansiedade, ficar inerte as coisas reais com medo de não consegui-las fazer bem. Pode ser. Talvez. Enfim.

Planejar muitas vezes é mais fácil que realizar. Afinal, para realizar você precisa dar a cara a tapa, não para o mundo, mas para você mesma. Superação. Existem coisas que precisam ser superadas, não para entrar no Guinness World Record, mas sim para vencermos o nosso próprio limite, o nosso próprio medo. E é aí que as coisas se complicam, porque o nosso maior inimigo nem sempre é o outro, e sim nós mesmos. A nossa mente. É difícil vence-lo, mas não impossível. 

Eu não tenho uma fórmula mágica para fazer com que isso melhore, com que isso passe e nunca mais volte. E olha que esse talvez seja um dos meus maiores desejos. A um tempo atrás eu escrevi um texto falando sobre algo parecido, o medo, o desespero de ser incapaz de aguentar as coisas da vida. Isso ainda é um sentimento real, mas não constante. Algo normal de cada ser humano eu diria. Mas como eu disse, as vezes é necessário explodir. Seja escrevendo, desenhando, pintando, cantando, correndo, pulando, ou qualquer outra coisa que faça você se sentir livre e leve de verdade, que faça você sentir que toda a carga negativa que você estava carregando foi liberada. E é claro, nunca se esqueça: agradeça sempre, pois apesar de tudo, por mais que pareça, isso não é o final do mundo!

------------------

E por falar em planejar e superação, tenho algumas coisinhas legais para falar para vocês:
- O blog agora está no Bloglovin' \õ/ 
- O VP está fazendo uma pesquisa de público para conhece-los melhor, para responde-la é só clicar AQUI.

Então é isso pessoal, fiquem com Deus