QUAL CURSO ESCOLHER? | Comércio Exterior

7.10.16


Essa entrevista faz parte do projeto Qual Curso Escolher?, que tem por objetivo ajudar você que ainda não escolheu uma graduação para chamar de sua, ou que já escolheu, mas que não está satisfeito com a escolha. O projeto é composto por várias entrevistas com acadêmicos de diversos cursos de graduação. Para saber mais sobre o projeto, e ler outras entrevistas, é só clicar AQUI.

Acadêmica: Larissa Fabris
Idade: 19 anos
Curso: Administração com habilitação em Comércio Exterior
Fase: 2ª
Instituição: UNESC

Porque você escolheu fazer Comércio Exterior?
Olha, é uma pergunta bem difícil essa [risos]. É porque assim, primeiramente foi porque eu optei por Secretariado Executivo, só que acabou não abrindo sala. Aí eu assim, “hm ok né, vamos ver outras opções”. No começo eu fiquei meio em dúvida com qual escolher, mas quando eu vi Administração com Comércio Exterior, eu fiquei “não sei se isso aí é para mim”. Mas o que me chamou a atenção foi o “Comércio Exterior”, porque é uma área que está se expandindo bastante. Os calouros sempre optam por falar que gostam de inglês, e que é por isso que escolhem o Comércio Exterior, mas não é assim tá gente. Só para avisar. É bem mais que isso, o negócio é bem mais embaixo. Só que eu optei por causa disso mesmo, não abriu turma para Secretariado Executivo, e eu resolvi fazer Comércio Exterior. Uma coisa bem nada a ver com a outra, mas tudo bem.

E o que te faz acreditar que esse é o curso certo?
Olha, sinceramente, me vejo viajando bastante para fazer negociações por causa do curso, tem bastante disso. E é uma coisa que eu gosto sabe! Quero viajar para conhecer outros países, para fazer negociações com os outros países para poderem exportar. Isso é uma coisa que estou vendo agora. Não está bem decidido ainda [se esse é realmente o curso certo], mas a princípio sim.

Ao entrar no curso, tu tinhas muitas expectativas? Se sim, quais eram?
Eu tinha mais expectativa de já chegar de cara e falar “é Comércio Exterior”, a partir do primeiro semestre né. Essa foi uma expectativa bem nada a ver [risos]. Eu tive muito mais conteúdo sobre a Administração, que sobre o Comércio Exterior na 1ª fase. Agora que eu estou vendo mais sobre o Comércio Exterior. Então, essa foi uma expectativa que não foi sabe. Eu fiquei “hm, administração, que tanta coisa” [risos]. Então foi um baque para mim.

E quais são as diferenciais do teu curso? O que faz Comércio Exterior ser o que ele é? Qual é a importância dele?
Olha, além de ser duas coisas ao mesmo tempo, que é um 2 em 1. Eu posso seguir tanto para a área de administração, administrar uma empresa, ou seguir por uma área de exportação, de negociações. Até para o marketing internacional eu posso seguir. Então tem vários tipos de diferencias no curso que me fizeram escolher esse tipo de coisa. Vai que na 8ª fase eu tenha, sei lá, eu vejo que quero seguir para a parte de administração, eu vou poder. Porque o curso também é isso. Então, sei lá, eu acho que é isso sabe. Ele é como se fosse um 2 em 1 [dois cursos em apenas um], e isso é ótimo para quem está na dúvida de escolher Administração. Eu recomendo o meu curso [risos], é muito bom!

E qual é a tua vivência enquanto acadêmica?
Como assim?

No caso, é ... como tu se sente enquanto acadêmica do teu curso? O que que ele te proporciona?
Nossa, assim, eu posso falar dá ida que eu fui no Porto. Foi uma experiência maravilhosa! Porque para quem está começando, a gente, sei lá, não sabe muito bem como funciona o comércio e tudo o mais. Aí já ir de cara para o Porto, que foi uma experiência, que assim, meu, eu fiquei de cara! Ele [o curso] me proporciona muitas experiências legais. No começo eu me senti uma pessoa pequenininha, “o que eu estou fazendo aqui?”, mas depois ao longo do tempo a gente vai se acostumando sabe?! O curso é muito bom!

Com relação ao mercado de trabalho, em quais áreas tu vai poder trabalhar tendo o diploma de Administração com habilitação em Comércio Exterior?
Bom, como eu já tinha te falado, posso seguir tanto para a área de Administração, administrar uma empresa, e fazer tudo o que envolve essa parte. E para o Comércio Exterior eu posso trabalhar no porto, trabalhar com exportação e importação. Também posso trabalhar nessa área em uma empresa, com negociações, marketing internacional... são várias as coisas que eu posso fazer tendo o diploma do curso. Então, é como eu te falei, um 2 em 1 bem bonzinho.

No caso o teu curso não é restrito apenas para uma coisa só. Ele tem um leque de opções.
Exatamente!

E qual conselho que você dá para aqueles que estão pensando em cursar ele?
O meu curso? Olha, para quem gosta de administração, vai gostar bastante disso né. Então quem gosta de, sei lá, de conhecer outros países, que se interessa sobre a cultura, e sobre as negociações de outros países, vai gostar bastante do curso. Já indico fazer um curso de inglês antes de começar [risos], porque é difícil. Se tu começar o curso e não ter uma base do inglês, vai acabar pedalando ali sabe. Tem bastante coisinhas em inglês que as vezes tu vais pronunciar e não sabe. Então, tipo, vai te ajudar bastante já ter um curso. Tem que gostar bastante da parte de administração, de administrar, de negociações, e tudo o mais

O teu curso tem muita leitura? Ou é muito mais contas?
Não. É os dois. No começo foi bastante teórico, eu tive de matéria Introdução ao Comércio Exterior, então, nossa nem me fala. Agora na 2ª fase que eu estou tendo financeiro, mais contas e tal. Pelo o que eu vi até agora foi mais teórico que contas, mas vamos ver nos próximos né. Eu espero que não [risos].

Por favor [risos]!

Então é isso gente! Muito obrigada Lare por ter topado fazer parte do projeto aqui do blog, e se você quiser conhecer mais cursos e outras dicas sobre esse mundo de dúvidas que é encontrar um curso certo, é só clicar AQUI.
Ah, e não esqueçam de comentar sobre o que acharam de Comércio Exterior. Até a próxima, beijos <3

Leia também

0 comentário(s)