31 de janeiro de 2017

Hoje eu lembrei de você


Hoje eu lembrei de você. Do tom da sua pele, e do seu cabelo curto. De como você encarava o celular sem dar atenção para nada e nem ninguém a sua volta. Fones no ouvido.

Você estaria conversando com alguém pelo WhatsApp ou apenas lendo algum livro em pdf? Ouvia músicas no Spotify ou eram podcasts sobre assuntos legais em algum outro aplicativo do seu celular? Eu não sei, e talvez nunca saiba. Não conversamos naquele dia. E muito menos no dia seguinte. Nunca conversamos na verdade. 

Você era apenas o cara bonito sentado na mesa ao lado da minha. Parecia ser gringo, e por eu não falar outro idioma, nem tentei puxar conversa, talvez eu tenha me enganado. Talvez. 

Relembrando bem os fatos, acho que você nem notou a minha presença. Quem dirá saber das minhas falhas tentativas em manter a concentração nas páginas daquele livro. Menos ainda que aquele era o meu último dia por ali. Mas eu percebi. 

Percebi que você ficou no mesmo lugar até o escurecer. Percebi que mesmo eu já tendo ido e voltado algumas vezes, você continuava no mesmo lugar. Seria esse um sinal? Eu acho que não. Mas prometo que se um dia eu te ver de novo, vou deixar a vergonha de lado e puxar conversa, nem que seja com a ajuda do Google Tradutor. 

É, hoje eu lembrei de você. E de todas as conversas que não tivemos. De todos os sonhos não compartilhados, e de toda a vergonha que não foi deixada de lado. Cometi um erro naquele dia, porque hoje eu lembrei de você e não pude fazer nada a respeito. Talvez as coisas fossem diferentes hoje. Ou não.


LEIA TAMBÉM: Os teus sonhos e a limpeza anterior

8 comentários:

  1. Que inspiração é essa goriaaa? Arrasou!!!

    ResponderExcluir
  2. A gente sempre tem alguém que nos marca sem ao menos termos contato, né? São os famigerados romances inalcançáveis, mas eles são tão reais, tão intensos que não conseguimos esquecer ♥ Adorei o texto.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade kelly! Esses romances inalcançáveis pelo menos servem de inspiração para textos né?

      Fico feliz que tenha gostado do texto <3

      Excluir
  3. Menina, que texto mais triste! Isso é bem aqueles crushes de onibus né? A gente imagina uma vida ao lado da pessoa, imagina até o nome dos cachorros que terão, e no fim agt não tem coragem nem de dizer "oi". Sorte que agora tenho um mozão e não penso mais nessas coisas, eu sofria muito hehhe
    dezoitoemponto.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hahaha que bom! Eu sofro viu? Pelo menos me rendem boas memórias para servir de inspiração depois :p

      Excluir
  4. AHHHHHH
    Como eu queria que você tivesse voltado! Mas como eu desejo que você o encontre de novo.
    Já aconteceu comigo e esse sentimento de não saber como teria sido é muito intrigante! Será que ele lembra de você também? Com certeza ele te notou, Jenni. Você não é o tipo de pessoa que passa despercebida. Mas será que ele também se pergunta "e se...?".
    AAAAAI *-* ♥

    www.ultimobiscoito.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. AAAAH guria do céu, será? Tomara hahaha.

      Excluir