RESENHA | Minha, por Cinthia Freire

19.1.17


TÍTULO: Minha: um conto da série Segredos
ESCRITORA: Cinthia Freire
PÁGINAS: 173
EDITORA: (publicação independente - Amazon)
ANO: 2016

SINOPSE: Segredos são como fantasmas, nos assombrando e nos fazendo crer que são reais. Todos têm os seus fantasmas. Laura tem os seus e há um ano que eles não a deixam dormir. A solução é passar seu tempo lendo poesias, admirando suas rosas florescerem e as estrelas no céu. Nada pode ser mais seguro do que isso. Até que um jovem misterioso surge em sua vida, virando-a de ponta cabeça. Em uma noite particularmente quente para o inverno, o destino uniu dois corações que não estavam prontos para o amor. Um não tinha mais tempo para isso, o outro era jovem demais para se apaixonar. Uma história sobre o valor do tempo, o resultado de nossas escolhas e como o amor pode transformar vidas. Mesmo aquelas que já não acreditam mais em milagres.

A RESENHA


O último lançamento da escritora Cinthia Freire (que é parceira aqui do blog) foi o conto Minha, que faz parte da série Segredos. É uma publicação independente, disponível apenas em ebook na Amazon.

Minha conta a história de Christopher e Laura, os pais do Gabe (personagem principal do livro Meu erro) e da Clara. Em Meu erro, o primeiro livro da série, somos apresentados a esses dois personagens, mas de uma maneira distinta do conto, pois Laura está presente apenas nas memórias do Gabe, pois já havia morrido a muitos anos, e Chris é um pai não muito presente na vida dos filhos devido as várias questões internas e pessoais. E no conto a escritora nos mostra como tudo começou, e foi a partir de Minha que descobri a beleza e a intensidade do amor do Chris e da Laura, além de compreender as atitudes do Chris no primeiro livro da série.

"Meu coração contraditório, razão da minha dor, é agora dono do meu amor".


O conto se inicia com a lenda do rouxinol, uma lenda árabe que fala sobre o surgimento das rosas vermelhas, e também sobre como o amor pode resistir aos mais diversos tipos de dificuldades. Essa lenda representa bem o amor do Chris e da Laura, e não é à toa que a Laura gostava tanto dela (mesmo antes de enfim conhecer o Chris). O prólogo e o epílogo se passam no presente, mas os 30 capítulos do conto se passam no passado.

Christopher era apenas um turista inglês que estava passando o período de férias na casa do seu primo Jeremy aqui no Brasil em julho 1991. E Laura era a garota que amava poesias, e que as lia durante a madrugada, pois desde que soube que estava com os seus dias contados, pesadelos à atormentavam durante a noite. Mesmo sabendo qual seria o fim dela, eu não sabia como os dois ficariam juntos, como ele lidaria quando descobrisse dos problemas dela, ou como seria o romance dos dois. E foi com todas essas questões em mente que li a história, ansiosa com cada nova descoberta.


Iniciei a leitura durante uma viagem de carro, e cheguei na metade do livro no mesmo dia, porém ao pausar a leitura para ir dormir, não tive mais forças para concluí-la no dia seguinte. Eu sabia que o fim do conto estava próximo, e não queria que chegasse ao fim, mas dias depois tomei coragem e li o restante. E olha, é uma leitura muito bem-vinda, seja para quem já leu o primeiro livro da série, ou para quem não leu ainda. O conto não possui spoilers, nem de Meu erro, e nem dos próximos livros da série, então tanto faz a sua ordem de leitura com ele. E como diz na sinopse, Minha é "uma história sobre o valor do tempo, o resultado de nossas escolhas e como o amor pode transformar vidas".

"Hoje eu tenho a plena convicção de que o que faz a vida valer a pena não são os anos em que uma pessoa vive, mas a maneira com que ela os faz únicos".

Se você ainda não conhece a autora e deseja conhece-la, tem um post aqui no blog falando sobre ela, para acessar é só clicar aqui, e para ler a resenha do primeiro livro da série Segredos, aqui!

Leia também

6 comentário(s)

  1. Obrigada pela linda resenha! Amei saber que você gostou.

    ResponderExcluir
  2. Olá, Jenni. Tudo bem?
    Não conhecia esta obra, mas gostei bastante do seu ponto de vista. O ruim dos contos, é que são tão breves, não é? E na maioria das vezes nos envolve rapidamente; o que nos deixa com uma enorme vontade de ir até o autor e exigir que prolongue a história.

    Até mais. http://realidadecaotica.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Olá, que resenha e fotos lindas. Eu li Minha e fiquei muito emocionada com a história a Cinthia escreve lindamente.

    www.mundofantasticodoslivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Camila <3

      A Cinthia realmente arrasou na escrita de Minha. Não vejo a hora de ler o próximo livro da série :D

      Excluir