Olá, dois mil e dezenove

6.2.19


Dois mil e dezenove já iniciou faz algum tempinho, um mês e seis dias para ser mais exata. Nesse ano o blog irá completar quatro aninhos de existência. Quatro anos em que tento escrever coisas relevantes, coisas que eu gostaria de ler em blogs por aí. Infelizmente, muita coisa me bloqueia (já falei disso em outros textos por aqui), e por isso não dei a devida atenção para esse meu cantinho na internet. 


Por mais que eu goste de escrever, a escrita me assusta, pois tende a ser verdadeira mesmo quando ela é somente fruto da minha imaginação. Me assusta com o que é, com o que já foi e com o que poderá vir a ser. A escrita é encantadora, e não gosto de compartilha-la quando sei que o escrito não está como o devido. Enfim, a verdade é que me exijo aquilo que nem tenho. A dica da tia hoje é: não façam isso crianças, não recomendo. 

Escritos sobre a escrita a parte, como está sendo o seu dois mil e dezenove? 

Bom, ruim ou mais ou menos? 

Já viveu novas experiências hoje? 

Físicas ou emocionais? 

Valeu a pena? 

Esse ano se iniciou bem para mim, e continua sendo. Mesmo entre altos e baixos (mais altos que baixos eu diria). Tenho descansado bastante, e cuidado da minha saúde, principalmente da emocional. Conheci pessoas legais, e que talvez eu não as leve para o resto da vida, mas que por um pedaço de tempo se fizeram presentes de maneira especial. E é isso o que importa no final. Ao menos para mim. 

Ainda não vivi grandes aventuras, mas minha vida social tem sido ótima, como a tempos não estava sendo. Dois mil e dezoito plantou muito disso em mim, e agora em dois mil e dezenove eu estou colhendo os frutos dele. Tem sido singular essa experiência. Tem me feito melhor. 

Que nesse ano todos nós possamos ver o lado bom da vida (olha eu parafraseando o título do livro do Matthew Quick), sorrir sorrisos verdadeiros e compartilhar amor. Que sejamos íntegros em nossas ações e crenças, e que com isso consigamos lutar contra tudo aquilo que vier de ruim para tentar nos derrubar. Que sejamos mais fortes e amáveis. 

E agora voltando a falar sobre o blog (hoje estou indo e voltando lindamente nos assuntos, que beleza), mudei algumas coisinhas no layout também, deixei bem minimalista, - preto, branco e cinza - não que já não estivesse antes, mas ainda havia um pouquinho de cores que há alguns meses estava me incomodando visualmente. Enfim, alterei as fotos minhas daqui também. Eu gostei! Quanto ao conteúdo desse ano, é aquela história de sempre, não posso prometer regularidade, mas prometo mais textos emocionantes, tenho gostado de contar mini histórias de personagens, pretendo publicar mais disso aqui no VP.

Enfim, para finalizar esse texto de início de ano, quero dizer que: se você nesses três anos e alguns meses ainda continua por aqui, meu muito obrigada. Se você chegou agora, obrigada também. Seja luz e brilhe onde você estiver. 

Leia também

0 comentário(s)

Facebook